Conceitos e Definições

Abiogênese: A teoria da abiogênese relatada aqui é comumente confundida com a geração espontânea, mas nós defendemos a ideia de que a teoria da Abiogênese deve ser interpretada como a teoria que explica o surgimento da vida através da evolução de sistemas químicos que constituíam a atmosfera primitiva. Veja no link os possíveis empregos da palavra.

Auto-replicação: replicar um elemento ou fator (um organismo, um objeto, um sistema, etc.) nada mais é do que produzir novas cópias, mais ou menos idênticas a si mesmo. A auto-replicação é um processo de replicação que necessita de um molde original, isto é, a presença de um original é uma condição necessária para a produção de cópias. Atualmente as moléculas de DNA fornecem o exemplo mais claro de auto-replicação, Em células vivas o processo é mediado por enzimas e ocorre de forma autônoma, com o número de réplicas aumentando exponencialmente ao longo do tempo, sem a necessidade de manipulação externa.

Coacervados: Acredita-se que essas foram precursoras das primeiras formas de vida a surgir na Terra. Essas moléculas foram envolvidas pela água devido ao potencial hídrico presente em alguma de suas partes e por isso é muito provável que tenham surgido no mar. Essas primeiras formas eram muito simples, hoje em dia acredita-se que eram lâminas de argilas sobrepostas que continham água em seu interior, atuava como compartimento que separava elementos internos dos externos. Possuíam enzimas auto-catalíticas, ou seja, que eram capazes de produzir compostos essenciais a sua própria sobrevivência.

Determinismo Biológico: atribui as capacidades químicas, físicas e psicológicas do ser humano à sua etnia, nacionalidade ou o grupo ao qual pertence. Julga-se  que um japonês é inteligente e bom em matemática apenas por ter nascido no Japão e ser de origem oriental, que um Brasileiro é preguiçoso simplesmente por ser Brasileiro. Os antropólogos acreditam que a influencia das características de cada ser humano vem de sua cultura. Uma criança Japonesa que for criada no Brasil, dentro da cultura brasileira, irá acabar tendo os mesmos costumes, todas as crianças tem a mesma capacidade, independente de raça, nacionalidade, sexo ou classe social, desde que tenham as mesmas oportunidades.

Enzimas: a grande maioria das enzimas são proteínas que tem capacidade de aumentar a velocidade das reações que transformam um substrato em um produto. Assim as enzimas catalisam (ou estimulam) as reações de transformação que seriam muito lentas, como as reações necessárias para digerir os alimentos, enviar sinais através dos nervos ou contrair um músculo. Uma enzima contorna então os problemas que existem no ambiente dentro das células, facilitando o processo de reações biológicas os quais ocorreriam muito lentamente sem as enzimas.

Geração espontânea: A teoria da geração espontânea supõe que a vida originou-se através da matéria inerte. Acredita que, pelo menos para seres mais simples como larvas de insetos e vermes,  possa existir um principio vital ou força que se faz necessário para a vida. Desta forma, os defensores da geração espontânea fazem parte também do movimento vitalista.

ch4

 

Glicídios: Também chamados de carboidratos ou açúcares. São moléculas orgânicas compostas por átomos de Carbono(C), Hidrogênio(H) e Oxigênio(O). Os glicídios constituem a principal fonte de energia dos seres vivos – o mel contém glicose, a cana-de-açúcar é rica em sacarose, o leite contém galactose, e os frutos adocicados contêm frutose e glicose; eles também exercem função estrutural, onde a parede das células vegetais é formada de celulose, que dá sustentação ao corpo das plantas; o exoesqueleto dos artrópodes é formado de quitina. Os glicídios também participam da estrutura dos ácidos nucleicos (DNA e RNA).

 

Moléculas inorgânicas: São Moléculas mais simples e pequenas que são facilmente encontradas no       ambiente.  Geralmente não apresentam Carbono (exceção: CO2 e CH4) Exemplos: Cálcio (Ca), Sódio (Na), Fósforo(P), Potássio (K) e água (H2O).

Moléculas orgânicas: As moléculas ou substancias orgânicas são compostos complexos mais encontradas em seres vivos do que no meio ambiente. formados, principalmente mas não exclusivamente, por Carbono (C) e Hidrogênio (H). Além disso, podem conter Nitrogênio (N) e Oxigênio (O) = CHON. Exemplos: carboidratos, lipídios, ácidos nucleicos e vitaminas.

Panspermia:  é uma  hipótese que se baseia na ideia de que a vida foi trazida à Terra do espaço por meteoros que abrigavam formas de vida primárias. O apoio à ideia reside no fato de que, cientificamente, já foi encontrada matéria de natureza orgânica em meteoros e meteoritos  e de que há organismos microscópicos conhecidos  que são suficientemente resistentes para, em teoria, suportar uma viagem espacial até a Terra, mesmo considerado que as condições que esses teriam de enfrentar sejam as mais extremas já cogitadas. Para saber mais acesse o link.

Proteínas e Aminoácidos: As proteínas são os compostos orgânicos mais abundantes da matéria viva. São responsáveis pela expressão da informação genética dos organismos, atuando como Enlace-Peptidico-Proteinas-Biologia-1aceleradores dos processos biológicos   (enzimas) e constituintes estruturais das nossas células. São constituídas por unidades menores chamadas de aminoácidos. Os Aminoácidos são moléculas orgânicas formados por átomos de carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio unidos entre si por ligações peptídicas. Os aminoácidos possuem uma estrutura química diferenciada entre si por seus radicais. São divididos  em não essenciais que são produzidos pelo corpo do organismo e essenciais que são adquiridos através da dieta de alimentos ricos dessas substâncias.

 

Protocelulas: As protocelulas são aglomerados de moléculas orgânicas que foram isoladas do meio externo através de uma “capa”  composta por polímeros de alto peso molecular, caracterizam-se por não possuírem membrana nuclear (carioteca) que separa o seu material genético , acredita-se que o seu DNA era circular e continha um único cromossomo espalhado em uma zona mais central mas que não chegava a constituir um núcleo. Existiam poucas organelas e eram essencialmente isoladas já que não possuíam colônias.

Registros fósseis: São restos de seres vivos ou evidências de suas atividades biológicas preservados em diversos materiais que foram  datados em diferentes épocas da história da terra.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s